Atentado ao bom senso

15 setembro, 08:43

Ah, que agradável! Assistir a um atentado do outro lado do mundo logo cedo da manhã. Meu dia promete!

Isso tem alguma relevância para mim? Ou melhor ainda, para qualquer brasileiro?
Não, lógico que não tem! Por três razões simples:

1 – Talvez menos de 1% da população saiba apontar a Bulgária num mapa. Com legendas!

2 – O embaixador ainda nem tinha chegado. Se ele tivesse morrido, talvez fosse notícia, mas uma quase-morte?

3 – Tá faltando notícia aqui? Porque meu vizinho da casa antiga morreu de Dengue ontem. Mas como não foi numa explosão no meio da rua a meio mundo de distância, acho que não conta…

Aliás, quem nasce em Sofia é o quê, sofista? Faz sentido, se você pensar bem…
Mas estou divagando. Meu ponto era: por que 28 sofianos e um grego são mais importantes –em termos de notícia- do que os sete que morreram ontem naquele tiroteio no interior de Tocantins?
Talvez o que venha de fora seja sempre mais importante.

E ainda tem outro ângulo que eles não exploraram; notaram o hidrante quebrado, jorrando água incessantemente sobre as vítimas e as equipes de resgate?
Ainda dá para colocar um “atentando a bomba triplica consumo de água e aumenta o aquecimento global” no meio. Ainda cabe um trocadilho -se os produtores estiverem inspirados: atentado à bomba.

A Mídia adora, simplesmente se delicia, entra em êxtase quando tem uma oportunidade de espalhar pânico.
E daí que queriam matar um canadense? Isso não nos diz respeito!

Talvez seja inveja dos outros países por eles possuírem organizações terroristas.
Mas a Mídia nacional precisa olhar para o próprio umbigo e notar que não há motivo para competição estrangeira, pois a célula terrorista mais bem organizada do mundo veste verde-amarelo e chama-se “telejornalismo”.

Isso ainda vai fazer muito mal.

Anúncios

Uma resposta to “Atentado ao bom senso”


  1. […] sério! Por que precisa ser uma maldição? O sul-africano morre atropelado, dois dias depois o canadense morre de doença. Isso é uma maldição? Talvez se vinte morressem do mesmo jeito, mas dois, em […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: