Maldição do embaixador? Acho que não

2 outubro, 14:11

Viram o jornal durante o almoço?
Outras dezesseis pessoas que sobreviveram ao atentado em Sofia morreram nos últimos seis dias com sintomas parecidos com os da doença que matou o embaixador canadense, que foi visitar nos hospitais as vítimas da explosão planejada especialmente para ele.

Talvez azar mesmo era estar na Bulgária por aqueles dias, tanto que três bombeiros e dois policiais também morreram.
Tinha alguém muito doente no dia da bomba por ali.

Mas a Mídia vê assim? Lógico que não!
Doença só vende quando espalha pelo mundo.

Anúncios

Uma resposta to “Maldição do embaixador? Acho que não”


  1. […] tarde fui ao edifício vizinho e conversamos sobre muitas coisas; o tiroteio -que ele não viu-, a morte do embaixador, meu dia na praia -ele contou que presenciou algo parecido semana passada-, a guerra, sobre como o […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: