Gripe suína H1N1 e as curas milagrosas

30 novembro, 08:39

Esta é a temporada de ouro para os charlatões!
O circo midiático em torno da gripe suína foi tão fenomenal que todo mundo realmente acredita piamente que estamos à beira de uma pandemia mortal e irreversível.
E não faltam curas milagrosas para a doença que vai destruir a civilização. Nem tampouco pessoas crédulas o suficiente para pagar caríssimo por pílulas de efeitos duvidosos.

Graças à extensiva propaganda gratuita do mal, criminosos sem-vergonha que promotem vender o bem estão ficando ricos às custas de vidas alheias.

Das quase três mil farmácias online baseadas nos EUA que estão vendendo as supostas curas, apenas quatro são certificadas pela Associação Americana de Farmácias, o que não impede um fluxo diário nesses sítios de mais de quarenta e duas mil pessoas.

Quarenta e dois mil possíveis clientes todos os dias.
Sabem quanto isso dá por ano? Onze bilhões de dólares.

Mais do que o PIB da Guiana é gasto anualmente em remédios falsos que nem de placebo servem.
Isso não é altamente revoltante?

Se fosse só isso eu ainda conseguiria dormir bem, mas infelizmente vivemos em tempos estranhos.
A mídia americana de direita (conservadora) está pintando e demônio o presidente liberal e fomentando o medo entre as pessoas, chegando a extremos como insinuar conspirações.
Uma dessas envolve a vacina contra a gripe suína, que é constantemente citada como “experimental”, enquanto paralelos são traçados entre aqueles que aceitam ser vacinados e ratos de laboratório.

Um dos apresentadores mais conhecidos do círculo televisivo americano disse com todas as letras que não ia “se deixar vacinar” -como se fosse obrigatório, o que não é- porque “não quer ser cobaia de ninguém”, apesar de existirem evidências suficientes de que a vacina é segura e especialmente eficaz, pois a cepa do vírus é bastante específica.

E o resultado de deixar que ideais políticos ceguem a razão e matem o bom senso é a morte de milhares.
Muitas pessoas estão morrendo por simplesmente preferirem gastar seus recursos em magia enquanto desconfiam da Ciência.

Eu li num jornal a frase “muitas pessoas morrendo de graça”, mas não concordo. Essas mortes estão saindo caríssimo tanto para elas, quanto para seus parentes e para o Governo.

Os americanos desperdiçam onze bilhões em charlatanice, já a vacina de verdade -que funciona e é de graça- ninguém quer tomar.

Como disse um comentarista político num canal adversário: é sempre bem mais fácil disseminar medo que informação.

Anúncios

Uma resposta to “Gripe suína H1N1 e as curas milagrosas”

  1. Lacy Says:

    Caro Igor,

    Esse teu post me lembrou a história de Oswaldo Cruz e a Revolta da Vacina. Só faltam as charges.
    Abs,

    Lacy


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: