Nanotubos mortais

15 dezembro, 08:26

Mais uma vez eu escuto, dentro do ônibus, como a nanotecnologia vai acabar com o mundo.
Mas dessa vez não são nanobots.
Não! A nanotecnologia vai nos matar lentamente, depois de anos e anos de luta contra câncer, mais especificamente no pulmão.

Já peguei a discussão pela metade, mas ouvi claramente um sujeito dizendo a uma senhora que “fizeram ratos respirar tubos de carbono [sic]” e isso fez o mesmo efeito neles que aspirar amianto.

O nome daquele câncer específico é mesotelioma -eu sei disso porque um tio meu tinha uma pequena construtora e dois pedreiros que trabalhavam para ele morreram disso- e, aparentemente, as fibras de carbono são bastante parecidas com as de amianto, segundo informações que obtive numa busca rápida agora.

Outra coisa que achei -mais uma vez, rapidamente pois tem muito trabalho acumulado aqui e preciso começar logo- foi o relato de uns testes preliminares com ratos que, não muito surpreendentemente, são inconclusivos até o presente momento.

Mas passar cinco minutos pesquisando na Internet e dizer “os resultados até agora não mostram mudança significativa na pleura dos roedores e precisamos ainda de mais dados” é muito difícil e talvez o interlocutor não se interesse pela notícia. É melhor -e mais fácil- dizer logo “com certeza dá câncer!”

O mundo me enoja.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: